Algo que os sindicatos precisam atentar a respeito da reforma da previdência no RN

A unificação da previdência federal com as estaduais e municipais segue tramitando no senado. Ela só desacelerou em decorrência do processo eleitoral: alguns deputados serão candidatos em 2020 e senadores precisarão renovar algumas de suas bases locais.

Passado o pleito, a expectativa é que ela seja finalizada e a união entre as três esferas aconteça.

O esticar de corda entre sindicatos e governo do RN é problemático porque: é melhor fechar acordo com quem está com boa vontade do que esperar o que certamente virá do senado. O que virá do alto será mais duro.

Deixe uma resposta