Álvaro nega reunião eleitoral e espera que vereadoras repensem saída da base

 Do Portal Agora RN

O prefeito de Natal, Álvaro Dias, do MDB, se pronunciou na noite desta quinta-feira, 7, e negou que tenha conversado qualquer tipo de assunto que envolvesse eleição 2018 com os vereadores Ana Paula (DC), Júlia Arruda (PDT) e Dinarte Torres (PMB). Os parlamentares anunciaram o rompimento a base aliada porque, segundo eles, estavam sendo pressionados a votar no filho de Álvaro, Adjunto Dias, que é pré-candidato a deputado estadual.

“Em nenhum momento falei com os vereadores sobre as eleições ou sobre os candidatos que eles iriam votar. Na ocasião, o ex-vereador Julio Protásio (marido de Ana Paula) até questionou isso (eleição), mas rechaçamos porque ali não era uma reunião para discutir isso”, afirmou Álvaro Dias, em entrevista a 96fm.

O prefeito de Natal ressaltou que fez a reunião porque constatou que, durante a gestão de Carlos Eduardo (PDT), alguns vereadores votavam contra projetos do Executivo. “Acho que talvez tenha faltado mais diálogo com os vereadores e, por isso, eu decidi tomar essa atitude e conversar mais com eles”, explicou, acrescentando que, com ele, não haverá meio termo: ou é da base, ou vira oposição.

“Não se pode ficar na coluna do meio. Ou você é situação, ou oposição. É possível eventualmente votar contra, o que não pode é sistematicamente fazer isso e criticar”, avaliou Álvaro Dias, descartando qualquer postura coronelista que tenha tomado com os vereadores. “Quem assume essa prática coronelista não é eleito três vezes presidente da Assembleia Legislativa com o voto dos seus pares”, acrescentou.

Álvaro Dias, inclusive, deixou a “porta aberta” para conversar melhor com Ana Paula e Julia Arruda, que anunciaram nesta semana o rompimento. “Não tive a oportunidade de conversar com Júlia e espero que ela repense. Com Ana Paula, sei que ela não é de criticar a gestão, e não entendi o porquê disso. Soube que ela ficou chateada porque esperou muito para falar comigo, mas é porque ela apareceu sem marcar”, afirmou Álvaro Dias.

Deixe um Comentário