Cotada pra disputar a prefeitura em 2020, processo de fritura de Natália Bonavides continua

Ontem (8) foi dia de debate na câmara municipal do Natal sobre projeto que visa assistir travestis e transexuais em situação de vulnerabilidade.

Originalmente, a iniciativa era da então vereadora Natália Bonavides (PT), mas que deixou a casa para assumir o mandato de deputada federal. Dessa forma, a ação passou a ser tocada pela agora vereadora Divaneide Basílio (PT).

Como o nome de Natália está cotado para disputar a prefeitura do Natal, o projeto recebeu ampla cobertura e da forma que despertasse o olhar bolsonarista dos natalenses. O nome de Natália, não mais autora, fora mais evidenciado mais do que de Divaneide, a efetiva impetrante. Matérias trouxeram a foto de Natália Bonavides.

Estratégia: ressaltaram o pagamento de auxílio na imprensa, sem destrinchar em quais situações isto ocorreria especificamente, ao mesmo tempo em que, em grupos de WhatsApp, a ação era nomeada como “bolsa boneca”.

Vale lembrar que Bolsonaro ganhou em Natal em 2018 e será a partir daí que os oponentes da deputada tentarão desidratar sua possível candidatura.

Deixe uma resposta