Em áudio, executivo da JBS sugere dar sinal para Funaro ‘pular dentro’ de delação e ‘fechar a tampa’

Em áudio, executivo da JBS sugere dar sinal para Funaro ‘pular dentro’ de delação e ‘fechar a tampa’

POR PAINEL

Em um trecho do novo autogrampo de Joesley Batista, divulgado nesta sexta-feira (29) pela revista “Veja”, o dono da JBS e seu diretor jurídico, Francisco Assis, combinam de, “no momento certo”, enviar um recado a Lúcio Funaro para que ele também faça delação. “Que aí ele fecha a tampa”, diz Assis.

A conversa ocorre por volta dos 16 minutos da gravação, que tem um total de quase 30. Os delatores estão conversando sobre o impacto do acordo com a PGR, quando Francisco inicia: “o Lúcio vai ficar… E aí, o seguinte, viu Joesley, a gente tem que, no momento certo, dar o sinal para o Lúcio pular dentro”.

Batista concorda e Assis finaliza: “Que aí ele fecha a tampa”.

“Eu, para mim, é exatamente isso, Francisco. Nós temos que escrever esses anexos urgente”.

As informações obtidas no acordo da J&F e na delação de Lúcio Funaro são os principais pilares da nova denúncia contra o presidente Michel Temer.

Deixe uma resposta