Líderes bolsonaristas procuram uma agenda positiva para os protestos do dia 26

Manifestantes pró-bolsonaro nas redes sociais estão seguindo a orientação dos líderes do movimento e buscando alterar a pauta, que será defendida nas ruas no próximo dia 26.

A preocupação de parlamentares e líderes bolsonaristas é que os protestos não tenham uma agenda autoritária e anti-instituições, criando um processo de radicalização.

Com isso, falam agora em defesa da reforma da previdência, do pacote anti-crime do ministro Sergio Moro e não mais no ataque contra o congresso e o STF.

Porém, pelo incentivo inicial neste sentido atribuído pelo próprio presidente Jair Bolsonaro, em texto que ele mesmo compartilhou, será difícil não encontrar essa pauta também nas ruas no dia 26.

Deixe uma resposta