Não apenas o RN: governadores do país aguardam e cobram pelo plano de recuperação fiscal prometido pelo governo federal para o próximo mês

Não é só a governadora Fátima Bezerra que espera pelo plano de recuperação fiscal a ser lançado pela secretaria do tesouro nacional do ministério da economia, para desenvolver novos ajustes.

Conforme foi possível ver na reunião dos governadores do nordeste e no encontro dos governadores do sul e do sudeste, o compasso de aguardo é uma regra.

O fato é que ninguém toca o ajuste fiscal e a reforma previdenciária estadual, aguardando pelo escopo do governo federal.

E faz sentido. Não há condições de se antecipar ao modelo de ajuste fiscal a ser proposto pelo governo federal, para depois correr o risco de não acessar suas linhas de crédito e possíveis outras vantagens.

É por isso que os governadores, de situação e oposição, vêm cobrando para que a união apresente logo o plano de recuperação fiscal. Mansueto Almeida, chefe da secretaria, alega que o atraso será superado e o projeto virá a ser publicado em maio.

Deixe uma resposta