O PSL virou terra de ninguém; certamente alguém torceu contra

Um amontado de malucos, pessoas sem qualquer experiência, aloprados, etc, montam um partido prometendo uma “nova política”. Logo em seguida vem laranjal, ataques mútuos e completa anomia. Não deu deu certo. Certamente, alguém torceu contra.

Charge que é resumo do Brasil polarizado.

A reação. Após a tentativa do presidente Bolsonaro de destituir delegado Waldir da liderança do PSL na Câmara, o grupo ligado ao presidente do partido, Luciano Bivar, retomou o cargo, colocando o mesmo Waldir. E mais: partiu para o ataque. Foram retirados os diretórios do Rio de Janeiro e de São Paulo de Flavio e Eduardo Bolsonaro. O grupo bivarista já fala em expulsões e suspensões de parlamentares.

Deixe um Comentário