PF amanhece o dia fazendo buscas nos endereços do Deputado Lúcio Vieira Lima, irmão de Geddel

PF amanhece o dia fazendo buscas nos endereços do Deputado Lúcio Vieira Lima, irmão de Geddel

Polícia Federal realiza buscas, na manhã desta segunda-feira, na Câmara dos Deputados, em Brasília. A ação é resultado de um pedido da Procuradoria-Geral da República. As informações são do G1.

O gabinete do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) é um dos alvos da PF. Os policiais interditaram o acesso ao sexto andar do anexo IV para a busca. Trata-se do irmão de Geddel Vieira Lima, preso desde julho por tempo indeterminado depois da descoberta de um “bunker” com R$ 51 milhões em um apartamento ligado ao ex-ministro em Salvador, na Bahia. As investigações foram enviadas ao Supremo Tribunal Federal em setembro por indícios de envolvimento do parlamentar, que goza de foro privilegiado. O apartamento usado por Geddel teria sido emprestado a Lúcio.

De acordo com o portal G1, ainda não há confirmação se a ação da PF na Câmara e a investigação do bunker estão ligadas.

Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) voltou à Câmara em 19 de setembro, duas semanas após a revelação do dinheiro. Na ocasião, ele manteve o bom humor e disse que não havia visitado o irmão na Papuda (DF). Ao ser perguntado sobre o caso do irmão, ele respondeu que a defesa cabe ao advogado e ao próprio Geddel.

O GLOBO

 

Deixe uma resposta