POR SER ALVES? Enquanto sequer aceita denúncia contra ato ilegal de Carlos Eduardo, o TJ/RN impede o saque do funfir com lei aprovada para pagar aposentados

No RN tudo, a depender do sobrenome, pode. Carlos Eduardo Alves fez uso ilegal de receitas tributárias, com ampla jurisprudência condenatória pelo país inteiro? O Tribunal de Justiça não aceita nem a denúncia.

Porém, o Assembleia Legislativa do RN aprova o saque pelo governo do fundo previdenciário para pagar os aposentados? Aí o poder judiciário vira valente e impede.

Um ato ilegal amplamente proibido pela lei de responsabilidade fiscal e pela jurisprudência? Pode.

Uma prática feita para por os salários em dia, em que o governo já mostrou ter lastro futuro para cobrir, com a autorização da casa competente para tanto? Não pode.

O sobrenome no RN ainda mete medo em muita gente.

Deixe uma resposta