Situação de Flávio Bolsonaro criará embaraço para o fiador da moralidade do governo, o ministro Sergio Moro

A veja revelou que o senador Flávio Bolsonaro comprou 19 imóveis, movimentando 9 milhões de reais, conforme análise do ministério público.

Há fortes indícios de lavagem de dinheiro. Teve apartamento sendo comprado por 140 mil e vendido, um ano depois, por 550 mil.

Suas compras são sempre muito abaixo do valor de mercado e a venda muito acima.

O ministério público do RJ enxerga uma possível prática de organização criminosa. Também acredita que ele não conseguiria movimentar tantos recursos apenas ficando parte dos salários dos seus assessores de gabinete.

Virá chumbo grosso contra o filho de Jair Bolsonaro.

A situação ficará complicada para o ministro da justiça Sérgio Moro. Como fiador da moralidade do governo, ele sofrerá com a comparação da sua condenação contra Lula com o caso de Flávio Bolsonaro.

Deixe uma resposta