Sobre a atitude desproporcional do TRE contra Sandro Pimentel

O deputado Sandro Pimentel (PSOL) fez uma barbeiragem na sua prestação de contas. Só que resta evidente que não obteve nenhuma vantagem ilícita em torno disto.

Ontem (30), o tribunal regional eleitoral decidiu retirar seu mandato, uma completa atitude intempestiva e desproporcional. Ele pretende recorrer ao TSE.

O mandato de Sandro foi conquistado no voto e assim deveria permanecer.

Deixe uma resposta