A esquerda natalense segue indefinida para 2020

Em Natal, o chamado campo da esquerda segue sem delineamento claro. Isto já ingressando no pleito.

O PT ainda não deu início ao seu processo de escolha. A deputada federal, grande desejo do partido, Natalia Bonavides, já disse que não quer. Ficam na disputa o senador Jean Paul Prates e o médico Alexandre Motta. Ainda não há nada definido, mas deve sair daí de um desses dois nomes.

A esquerda conta também com a candidatura do professor Carlos Alberto. Ele sairá pelo PV. O docente da UFRN já teve boas participações em pleitos anteriores e pode surpreender.

O PSOL sofre com a impossibilidade do deputado estadual Sandro Pimentel particpar da campanha. Deverá sair com uma candidatura de menor impacto, visando a tentativa de eleger algum vereador.

O fato: o campo da direita saiu na frente e já trabalha suas candidaturas.

Deixe um Comentário