Ação de Barroso contra Temer visa legitimar prisão de Lula

Um aspecto beneficia Lula: ele pode ser preso enquanto que Michel Temer e Aécio Neves não são importunados. Os dois tiveram malas de dinheiro e gravações em prováveis atuações criminosas expostas ao público. É este um dos pontos que gera a vitimização do petista pela sensação de seletividade da justiça aos olhos dos lulistas.

O ministro Luís Roberto Barroso resolveu jogar para torcida e dar uma satisfação no quesito. Apesar de ilegal, mandou quebrar o sigilo bancário do presidente Michel Temer. A ação só poderia ser feita com autorização do congresso.

Barroso joga para torcida. E mais: prepara terreno para referendar a prisão em segunda instância. Lula que se cuide.

Deixe um Comentário