Alvaro Dias volta a recomendar ivermectina, remédio com 0% de eficácia contra covid-19

O prefeito de Natal, Álvaro Dias, voltou a recomendar em declaração pública à imprensa esta semana o uso em massa da ivermectina como prevenção contra Covid-19. Segundo ele, há comprovação, informação que é falsa. Além do discurso mentiroso, quem é que não está tomando isso e, uma vez doente, abrindo mão do tal tratamento precoce preconizado pelo governo federal?!

Ficar recomendando ivermectina e tratamento precoce – que é um nome bonito para cloroquina – fazendo de conta que não está todo mundo tomando, é uma forma de plantar a dúvida e insinuar que a gravidade da situação pode ser resolvida com medicamentos. É uma maneira de escamotear as duras e necessárias medidas sanitárias, além de ampla campanha de vacinação.

No bolsonarismo que Álvaro Dias flerta, o tratamento precoce serve como desresponsabilização e ataque contra medidas sanitárias e o processo de vacinação. Como todo mundo já toma, recomendar como se existisse resistência é forma de manter o horizonte da “solução” ativo, construir inimigo imaginário e justificar o imobilismo.

Deixe uma resposta