Amadorismo como pano de fundo para polarização bolsonarista

Já está claro: o grupo que chegou ao poder é profundamente amador. Não há nenhuma experiência de administração de qualquer máquina pública. Este é o pano de fundo que a polarização bolsonarista secundariza.

Note, caro leitor, que por mais de 50 dias o governo federal nada fez sobre o óleo nas praias do nordeste. Diante da paralisia, passaram a ideologizar o problema como algo relacionado a uma luta entre “comunismo venezuelano x capitalismo brasileiro”.

É nisso que são bons. Em manter a temperatura política elevada na sociedade brasileira, através de correntes, youtubers defensores de teorias conspiratórias, milícias virtuais.

Um político profissional, com bagagem nas costas, teria ido logo ao problema, liberando recursos e inspecionando pessoalmente a limpeza das praias.

Deixe um Comentário