Ao invés de tropas federais para o IFRN, é preciso acabar com o envio de drogas pelo porto de Natal

A “guerra cultural” é trágica também porque turva o que de fato deveria ser prioridade.

Outra vez grande remessa de cocaína iria sair daqui pra Europa. Mais de 700 kilos. O assunto é antigo e se arraasta há anos. Péssimo pra o setor produtivo do RN porque põe em risco um dos principais meios de escoamento da região e relações de exportação com outros países. Urge instalar scanner no porto.

O deputado General Girão tem o controle político da Codern, que administra os portos no RN, e indicou seu presidente. Ele passou a última semana mobilizado para… Trazer tropas federais pra o IFRN.

Deixe um Comentário