Aumento de 60% para PMs e Bombeiros é impossível para o Estado falido do RN; por que paralisar sem discutir outras propostas?

Os policiais militares e bombeiros fizeram uma paralisação hoje (17). Eles querem 60% de aumento, implementação de todas as promoções e pagamento de salários atrasados.

O governo ofereceu a implementação imediata das promoções e abertura de fórum para a diminuição da disparidade entre os salários dos policiais militares e civis.

Ora, não há a menor condição, nessa situação de crise, de conceder um incremento de 60%. Os policiais sabem disso. Então, por qual razão esticar a corda até ela estourar? Por que paralisar sem sequer discutir outras propostas?

Quem ganha e quem perde politicamente com a radicalização que não vai levar a lugar algum?

Deixe um Comentário