Bolsonaro queimou a cara com Milton Ribeiro

O presidente Jair Bolsonaro disse que colocava a cara no fogo por Milton Ribeiro, ministro da educação, acusado de negociar vantagens e propinas pela intermediação de pastores para que prefeitos tivessem aos recursos da pasta.

Se comprir sua promessa, Bolsonaro já se encontra todo chamuscado. Milton Ribeiro foi exonerado hoje.

Deixe um Comentário