“Consulta pública” do ministério da saúde sobre vacinação de crianças é subterfúgio para retirar a autoridade sanitária da Anvisa e prestigiar negacionistas

Caro leitor, você se lembra da abertura de consulta Pública sobre vacinação? Não, não é? Porque a autoridade sanitária no Brasil é a Agência de Saúde e Vigilância Sanitária, a Anvisa.

Você também não recorda de debate sobre compra de vacinas, certamente. Ora, porque, por motivos óbvios, após a Anvisa aprovar o uso elas eram imediatamente compradas.

O que quer o ministério da saúde com a abertura de consulta Pública sobre vacinação de crianças entre 5 e 11 anos? Retirar a autoridade da Anvisa.

A Agência tem a prerrogativa para tanto e, além dela, as sociedades científicas já se manifestaram. O imunizante da pfizer já é aplicado em 31 países na faixa citada da população.

Quem de fato o governo quer ouvir? Os grupos de médicos e representantes de movimentos antivacina. Só eles são contrários à imunização.

Deixe um Comentário