Dois apoiadores de Bolsonaro criticam política de tarifa da Petrobras

O presidente da câmara, Arthur Lira, e o presidente do banco central, Roberto Campos Neto, criticaram nos últimos dias a política de reajuste dos combustíveis da Petrobras, se alinhando a política pública chateada com alto preço da gasolina.

Há, caro leitor, um movimento articulando vindo do governo em prol da alteração da política de reajuste, preparando o terreno para amansar o “mercado”. Anote: o presidente Jair Bolsonaro irá rever a política. O cenário está sangrando a avaliação do presidente.

Deixe um Comentário