Em novo decreto, prefeitura do Natal afrouxa o que o governo apertou

Em Natal, nada do que foi consensuado pelo governo do RN vale. Deu para entender?

Sem o prefeito do Natal participar das reuniões do governo, ministérios públicos e prefeituras da região metropolitana e fazer tudo do seu jeito, ele só consegue criar uma contribuição concreta: exportar doentes para os demais hospital do RN.

O coronavírus não respeita fronteira. Não é hora pra politicagem. A integração é fundamental.

E Natal e a região metropolitana têm a pior situação do RN.

Hoje, o RN tinha fila de espera para UTI de 70 pacientes.

Deixe um Comentário