ERRO: a sesap recua

ERRO: A SESAP RECUA

Cipriano Maia, secretário de saúde do RN, recuou. Após dizer que pretende fechar o hospital Ruy Pereira, agora alega, em entrevista à imprensa, que a decisão não se encontra ainda fechada. A medida era acertada.

O governo cedeu à pressão política em detrimento da fundamentação técnica da ação, além da economia nos custos de saúde.

Após a redistribuição, a rede de atendimento do RN poderia comportar os leitos hoje precariamente abrigados no referido hospital. Não existiria prejuízo.

Com isso, o RN continuará pagando 200 mil reais por mês por um prédio sem a menor condição para o fim destinado. Quem verdadeiramente ganha com o fato?

Depois, quando os recursos financeiros faltarem e os recursos humanos estiverem sub-aproveitados, dispersos por uma rede inchada e onerosa, não adiantará reclamar.

Deixe um Comentário