Femurn silencia sobre possível perda de arrecadação das prefeituras do RN

Enquanto a Confederação Nacional dos Municípios faz duro discurso sobre os 27 bilhões que as prefeituras irão perder em arrecadação, caso a isenção sobre gás e combustíveis em relação ao Imposto sobre Circulação, Mercadoria e Serviços avance, a Federação dos Municípios do RN segue em silêncio. Nenhum questionamento para a bancada federal do RN ou membros do governo Bolsonaro é feito.

Deixe um Comentário