Hospital de campanha no RN volta à estaca zero: quem ganhou com a politização do assunto?

A informação é dada pelo Blog do Bg. Só uma empresa apareceu para concorrer pela organização do hospital de campanha e foi desabilitada. Voltamos à estaca zero.

A politização de uma questão importantíssima burocratizou, atrasou e nos deixará na mão. A queda de braço do Sinmed contra o hospital de campanha, medida recomendada pelo governo federal e que vem sendo seguida pelos outros estados, beneficiou a quem? A insinuação do Ministério Público de que existia corrupção, sem deixar nada claro objetivamente, ajudou a quem?

É preciso ter o mínimo de responsabilidade no caso.

A previsão é a de que, se a taxa de ocupação dos leitos continuar crescendo – nos últimos dias ocorreu uma elevação de 60%, conforme a tribuna de norte de hoje -, estaremos sem leitos já no dia 02 de Maio.

Deixe um Comentário