Para Divaneide Basílio, estátua da Havan fere a lei de mobiliário urbano de Natal; ela pediu informações técnicas sobre licenciamento a prefeitura do Natal

Conforme a vereadora Divaneide Basílio, a estátua da Havan, novo símbolo da entrada da capital, “fere a Lei do mobiliário urbano de Natal, além de descaracterizar a entrada da cidade com um símbolo nacionalista que não tem conexão com nossa história e identidade”.

Por isso ela pediu informações sobre a estátua e como a autorização foi feita pela prefeitura.

Ao portal Saiba Mais, a semurb disse que o monumento foi autorizado, mas se negou a prestar maiores informações.

Veja a publicação de Divaneide em seu Instagram.

https://www.instagram.com/reel/CeeXJSYhv8i/?igshid=MDJmNzVkMjY=

Deixe um Comentário