Prisão do prefeito de Caicó enfraquece apoio de Carlos Eduardo na região do Seridó

O prefeito Batata de Caicó foi preso, junto com o vereador lobão, nesta manha de hoje. Ele foi alcançado pelas investigações da operação cidade luz, que investiga atos de corrupção na contratação de empresas para administração da iluminação pública de Natal, Caicó e outros municípios do RN. Além dos locais em que o prefeito têm acesso, a câmara municipal de Caicó também sofreu com busca e apreensão da polícia. O Ministério Público mostrou gravações que supostamente comprovariam relações ilícitas entre o prefeito e um lobista, que também foi preso. A detenção de Batata representa um enfraquecimento da candidatura ao governo do RN de Carlos Eduardo Alves, já que ele seria um ponto importante para divulgar a postulação de Cea na região. Recentemente, Batata havia declarado que iria de Cea em 2018.

Deixe um Comentário