Raimundo Alves colocou a bola do jogo no chão

Ao dizer claramente em entrevista à Tribuna que o PT não trabalha com coligações meramente de momento, desautorizando ataques ou falas dúbias contra aliados de hoje e em potencial de amanhã, o chefe da casa civil Raimundo Alves colocou a bola do jogo no chão.

A articulação da base do governo com o objetivo de reeleger Fátima volta a seguir em sua normalidade. E é óbvio que Raimundo não falaria isto se não estivesse lastreado pela governadora Fátima Bezerra.

Deixe um Comentário