Rio questiona e Pfizer afirma que já vendeu vacinas para crianças ao governo federal

Da Revista Isto É – Em resposta ao secretário municipal de Saúde do Rio de Janeiro, Daniel Soranz, a Pfizer informou na tarde da última quarta-feira (22) que a empresa já viabilizou a entrega de vacinas para crianças ao governo federal, conforme apuração do colunista Lauro Jardim do jornal O Globo.Agente de saúde usa solução salina para preparar doses da vacina "Comirnaty" da Pfizer-BioNTech contra a Covid-19 em centro de vacinação em Madri, Espanha© Fornecido por IstoÉ Agente de saúde usa solução salina para preparar doses da vacina “Comirnaty” da Pfizer-BioNTech contra a Covid-19 em centro de vacinação em Madri, Espanha

De acordo com a empresa são três contratos, os quais devem garantir a entrega de 100 milhões de doses para o País em 2022. O último acordo foi concluído em 29 de novembro deste ano.

A Pfizer foi questionada pela Prefeitura do Rio de Janeiro, pois a administração tinha o interesse de garantir para o município cerca de 500 mil doses para crianças entre 5  e 11 anos. Vale lembrar que a empresa foi a única, até o momento, que teve seu imunizante liberado para esta faixa etária pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Nesse sentido, a Prefeitura do Rio deverá aguardar o processo de distribuição do governo federal por meio do Programa Nacional de Imunização, assim como outras regiões do País.

Deixe um Comentário