Ritmo mais célere na CPI da Covid sobre a da Arena das Dunas caracterizará postura politizada da casa e tentativa de blindar parlamentares

A Comissão Parlamentar de Inquérito é um direito da minoria e é bobagem dizer que há política no meio nelas. Todas têm. E faz parte.

Mas será estranho assistir a CPI da covid na AL, com objeto mais frágil, avançar o sinal sobre a CPI da Arena das Dunas. Isto porque a CPI da Arena das Dunas é mais antiga e tem como objeto um prejuízo estimado pela Controladoria Geral do Estado de 420 milhões na relação contratual entre o governo e a empresa que fez e administra o estádio em questão.

Já a CPI da Covid da Assembleia tratará de 12 pontos elencados, mas na prática só serão 2. Os outros 10 versam sobre contratos listados pela oposição como forma de fazer volume, mas que foram aprovados pelo tribunal de contas do Estado e fiscalizados pelo ministério público. É improvável que algo fora da rota saia deles.

Assim, um ponto é a compra dos respiradores, através do consórcio nordeste, que foi denunciada pelo próprio governo após a empresa não entregar o material. Uma investigação corre no superior tribunal de justiça. O outro questiona a participação do ex-candidato ao senado e médico de linha de frente da covid, Alexandre Mota, na propaganda do Governo.

Ou seja, enquanto já há investigação sobre o principal aspecto da CPI da covid, mas que não impede que os deputados também se debrucem sobre o assunto; nada entretanto mira no contrato entre o governo do RN e o Arena das Dunas.

O deputado estadual Kelps Lima protocolou requerimento para ativar o trabalho das duas comissões. Só que, na prática, o ritmo e a atenção se voltam para a CPI da Covid e a da Arena segue parada.

Há uma razão para tanto. A oposição aposta na CPI da covid para tentar embalar um discurso em 2022. Enquanto isso, a CPI da Arena das Dunas pode alcançar inclusive parlamentares da casa que atuaram durante a gestão Rosalba, principal administração a ser possivelmente alcançada pela CPI.

A assembleia cederá, portanto, uma base de questionamento, aí sim de caracterizada politização, caso altere os ritmos das duas comissões como vem se desenhando.

Deixe um Comentário