Se for candidato ao governo, Ezequiel sairá do PSDB

Uma fonte palaciana que a água não seca passou para o blog o plano oferecido a Ezequiel para ele ser candidato ao governo, em ocasião de sua ida esta semana à Brasília.

Ele seria candidato pelo PP e manteria o PSDB. Com isso, controlaria diretamente dois partidos no RN, recursos e formaria as nominatas das duas siglas.

Ezequiel não disse que sim nem que não e ficou de pensar.

Deixe um Comentário