Se tivessemos aprovado a reforma da previdência com Robinson, estaríamos numa situação menos complicada

Agora que parece existir escasso dissenso diante da reforma da previdência, algo deve ser dito. Se tivessemos aprovado a reforma da previdência com Robinson, estaríamos numa situação menos complicada aqui pelas terras de poti.

O ex-governador propôs o pacote em 2017, que não apenas foi recusado pela assembleia, como o próprio poder legislativo aproveitou o momento para aumentar despesas do governo.

Continuamos rodando em falso, do ponto de vista das contas públicas, e o rombo ganhou ainda mais força.

Deixe um Comentário