Shoppings de Natal seguem descumprindo ordem judicial sobre a cobrança de passaporte vacinal; viraram inimputáveis?

Os shoppings de Natal seguem descumprindo ordem judicial sobre a cobrança do passaporte vacinal.

Primeiro o Natal Shopping, Midway Mall e Partage Norte Shopping deram aquele migué, alegando que estavam cumprindo o decreto municipal e não o estadual, mesmo sabendo que valia o do governo e não o da prefeitura de Natal. O do governo regulamenta a cobrança e o da prefeitura não. Vale portanto aquele que é mais voltado para o combate ao vírus, como pacificou o STF.

Agora comunicaram que aguardam posicionamento da Prefeitura sobre o assunto. Ora, há ordem judicial já pacificada também em âmbito local da primeira vara da fazenda pública, após provocação da defensoria pública estadual e do ministério público.

Os shoppings estão alegando desconhecimento sobre algo que é público e nada está acontecendo. A prefeitura do Natal promete recorrer, mas já vale o do governo.

Representantes da Fecomércio e da Abrasel ouvidos pela tribuna do norte, apesar de discordarem do passaporte, já cumprem em bares, restaurantes e comércios que se enquadram no quesito a cobrança.

Os shoppings viraram inimputáveis?

Deixe um Comentário