Discurso antivacina bolsonarista lota hospitais e mata: 85% dos internados por covid-19 no RN não tomaram vacina, diz LAIS/UFRN

No RN, conforme pesquisa feita pelo Lais/Ufrn, veiculada pelo blog do Dinarte Assunção, 85% dos internados por covid não se vacinaram. O presidente Jair Bolsonaro fala contra as vacinas diariamente. É o principal garoto propaganda do negacionismo. Não há como a gente se distanciar disto. Esse discurso se impõe porque nos impõe hospitalizações, pesados custos econômicos e óbitos.

Não é preciso ir muito longe para caracterizar a campanha antivacina bolsonarista. Basta lembrar de falas suas nos últimos:

“Vacinas são experimentais”;

“As vacinas não são responsáveis pela queda da Pandemia”;

“As vacinas atendem a interesses econômicos”;

“Jovens não precisam se vacinar”;

“Quem já teve a doença se está protegido”.

Sem qualquer exagero, quem apoia Bolsonaro se associa a necropolítica da morte.

Pipocam no Brasil levantamentos sobre o hegemônico número de internados por covid sem vacinação. Pesquisas de opinião já detectaram que 10% não querem tomar a vacina pelas mentiras que Jair Bolsonaro e os seus espalham. Quanto está custando em hospitalizações, impostos e óbitos o movimento antivacina para o país?

Deixe um Comentário