Em mais novo decreto anunciado, Álvaro Dias elabora o primeiro documento completamente a favor da pandemia na cidade

O prefeito Álvaro Dias anunciou que fará mais um outro decreto, liberando todas as festas e eventos na capital. Ele já tentou e em parte conseguiu melar a aplicação do passaporte vacinal. Agora inovou. Em seu novo decreto a sair reformado amanhã no diário oficial, o documento de combate à pandemia não apresenta nenhuma restrição contra ela.

É o primeiro decreto a favor da pandemia no Brasil. Só faltou anunciar novamente a compra e distribuição de um milhão de comprimidos de ivermectina, para proteger os natalenses. Da mesma forma como protegeu quando Natal, que representa 24% do RN, chegou a ter quase 50% dos óbitos.

O decreto criado hoje deve ter sido mais uma recomendação científica do comitê de Natal.

PS. O governo do RN em nota lembrou que vale o estadual, já que é mais voltado para o combate ao vírus, conforme farta jurisprudência criada na pandemia pelo STF.

PS.2. por uma questão de justiça, ele mencionou álcool em gel e máscara. De repente, é um avanço.

Deixe um Comentário