Estudantes são agredidos durante protesto na STTU e vereadores pressionam por volta de circular gratuito na UFRN; apesar das isenções fiscais recebidas pelo SETURN, Circular passará a ser pago

Hoje foi dia de protestos na sede da secretaria de transporte e trânsito urbano da Prefeitura do Natal pela cobrança do circular da UFRN. Apesar da pressão, representantes da prefeitura alegaram que o sistema está tendo prejuízos e a tarifa agora é necessária.

Representante do DCE-UFRN, Lorran Silva, lembra que “O Seturn [Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos] não está tendo prejuízo. Eles não estão pagando impostos e nunca voltaram com 100% da frota apesar das várias determinações da Justiça. Aí vem Álvaro Dias, que é um prefeito de direita, e manda esse aumento sem sequer conversar com a gente”.

Apesar da tentativa de intermediação, os estudantes foram agredidos.

Veja a matéria completa da agência Saiba Mais aqui.

Deixe um Comentário