Foi o que nos trouxe até aqui

O Supremo Tribunal Federal pode autorizar a reeleição de Rodrigo Maia na câmara e Davi Alcolumbre no senado. São quatro votos a favor e três contrários até o momento. A constituição é clara no sentido de dizer que é “vedada a recondução para o mesmo cargo na eleição imediatamente subsequente.”

O problema é que o Supremo teme a elevação do poder de Jair Bolsonaro com a vitória de algum aliado seu e quer manter os dois presidentes como forma de gerar um anteparo contra o chefe do executivo.

Mas aí há uma questão anterior. Não se muda a constituição por interpretação, mas pela obtenção de 3/5 em dupla votação no congresso. Esses casuísmos nos trouxeram até aqui, a essa situação de crise quase que permanente.

O STF deve guardar o texto constitucional e não fazer o controle político do Estado brasileiro. Isto o leva, na prática, a ficar ao relento quando o assunto é a pressão da opinião pública.

Deixe um Comentário