No governo Bolsonaro, salário mínimo perde poder de compra pela primeira vez desde o Plano Real

O Globo – O presidente Jair Bolsonaro vai terminar o mandato como o primeiro presidente, desde o Plano Real, a deixar o salário mínimo valendo menos do que quando entrou. De acordo com o jornal “O Globo”, nenhum governante neste período, seja no primeiro ou segundo mandato, entregou um mínimo que tivesse perdido poder de compra. A perda é de 1,7%. pelos cálculos da corretora Tullett Prebon Brasil.

Se a inflação não acelerar mais do que o previsto pelo mercado no Boletim Focus, do Banco Central, o piso salarial cairá de R$ 1.213,84 para R$ 1.193,37 entre dezembro de 2018 e dezembro de 2022, descontada a inflação.

Deixe um Comentário