Avatar

Sesap prorroga vacinação antirrábica no RN

/

    Somente 43 dos 167 municípios do Estado (25.74%) atingiram a meta da cobertura vacinal mínima de 80% proposta pelo Ministério da Saúde. O número ainda pode ser ampliado, visto que 46 municípios não atualizaram os dados no sistema após o dia “D” realizado no dia 7 de outubro. Por essa razão, a Campanha de Vacinação Antirrábica Canina e Felina será prorrogada até o dia 3 de novembro.

         A data está sendo considerada como o prazo final para inclusão dos dados no SI-PNI, quando a campanha será finalizada. A atual situação epidemiológica da raiva no RN aponta para 16 animais diagnosticados laboratorialmente positivos para a doença, por esse motivo a Secretaria Estadual de Saúde (SESAP) reforça a importância de uma boa cobertura vacinal para evitar casos de raiva humana transmitida por cão ou gato.

      Outro lembrete da Sesap é que mesmo com o fim da campanha, a vacina  continua disponível para os animais nos centros de controle de zoonoses ou secretarias municipais de saúde.

Recomendação

      A recomendação é vacinar animais a partir de 2 meses de idade. Deve-se repetir após 30 dias a dose nos primovacinados, ou seja, animais que tomaram a vacina pela primeira vez na campanha, independente da idade. A vacina pode ser utilizada em fêmeas prenhes ou que estejam amamentando. A única restrição são os animais doentes ou que estejam fazendo uso de antiinflamatórios ou antibióticos. Os animais só devem ser vacinados quando estiverem saudáveis (se alimentando normalmente, ativos, sem vômito ou diarréia).

      Esse ano, de janeiro a outubro, 16 animais já foram diagnosticados com raiva no RN em dez municípios, sendo 09 morcegos, 03 raposas, 02 bovinos e 02 equinos. “Esta situação nos preocupa, pois demonstra a circulação viral no ciclo silvestre. Sendo assim, chamamos a atenção para a vacinação, principalmente dos felinos domésticos, pois esses animais são excelentes predadores. Ainda hoje em todo o mundo, especialmente na Ásia e África, a raiva humana transmitida por cão mata em torno de 55.000 pessoas todos os anos. Por isso vacinar é uma medida de extrema importância para a proteção da saúde animal e sobretudo da saúde humana”, afirmou Iraci Nestor, coordenadora de promoção à saúde da Secretaria de Estado da Saúde Pública.  

 

Governador apresenta RN como destino religioso a uma das maiores operadoras de Turismo do mundo

/

Agência Abreu confirmou ida ao Estado para conhecer e preparar a divulgação religiosa aos europeus

O governador Robinson Faria reuniu-se hoje (18), em Lisboa, com a presidência da Operadora Abreu, segunda maior empresa de turismo da Europa. O encontro teve o objetivo de abordar, junto à Abreu, as perspectivas do Rio Grande do Norte como um dos principais destinos de turismo religioso do Brasil, após a canonização dos 30 mártires potiguares no domingo passado (15).

O governador esteve acompanhado do representante da Assembleia Legislativa do RN, deputado José Dias, e dos secretários de Turismo, Ruy Gaspar, de Metas e Gestão, Vagner Araújo, e de Comunicação, Juliska Azevedo. Da parte da Abreu, estiveram presentes o proprietário e presidente, Artur Abreu, o diretor, José Manoel Ferraz, e o diretor da Abreu On-line, Diogo Julião. Também acompanhou a reunião de trabalho o conselheiro da embaixada do Brasil em Lisboa para assuntos do turismo, Pedro Paulo D’Escragnolle-Taunay.
Artur Abreu afirmou que o Brasil é um destino de destaque e que a operadora começa a delinear essa nova abordagem – religiosa, histórica e cultural. “Nosso setor especial de turismo religioso irá visitar o Rio Grande do Norte para conhecer e preparar esse roteiro”, afirmou.
O deputado José Dias comentou a ligação histórica dos Santos com Portugal, e que essa abordagem pode ser feita na Europa. Dias lembrou ainda a proximidade entre os locais de massacre e a capital.
O secretário Ruy Gaspar acrescentou que o RN tem hoje o maior monumento católico do mundo, a estátua de Santa Rita de Cássia, além dos santuários do Seridó. “O roteiro da fé hoje é muito forte no Estado”, declarou Ruy. 
Robinson Faria destacou os investimentos realizados pelo Estado, com o apoio do Banco Mundial, para a promoção de estrutura física e de divulgação dos novos santos. Acrescentou que está sendo preparado um espetáculo, a Cantata dos Santos Mártires, que contará a história de fé aos potiguares e turistas. “Estamos tendo a preocupação de realizar investimentos para a viabilização do destino”, explicou.
A Abreu convidou o Governo do RN para estar presente em eventos da operadora com estande específico sobre o Turismo religioso.
Lisboa, 18 de outubro de 2017.

Senadores do RN: Garibaldi e Agripino votaram a favor de Aécio; Fátima contra a devolução do mandato

/

Veja como votaram os três senadores do RN no caso da manutenção do afastamento do senador Aécio Neves.

A favor de Aécio Neves:

José Agripino (DEM)

Garibaldi Alves (PMDB)

Contra a devolução do mandato de Aécio:

Fátima Bezerra (PT)

Aécio e o STF: o problema está lá atrás

/

Não vi problema na manutenção do mandato de Aécio. Acho que era por aí mesmo. O seu pedido de 2 milhões ao empresário Joesley Batista é grave e merece investigação, mas não um afastamento prévio e sumário como foi ordenado pela primeira turma do STF. Não era uma medida democrática. O papo do Joesley, dando conta de que a irmã do Aécio lhe pediu propina, é escancaradamente falso.

Agora, o problema está lá atrás. O afastamento de Delcídio e o impedimento de Lula assumir o ministério criaram uma obrigação para o STF de agir sempre ao sabor da sanguinária opinião pública. No momento em que os ministros recuam, agora diante de um dos principais sustentadores do Governo Temer, ficam de bunda de fora no meio da rua.

O custo é elevado para o principal tribunal do país. Mas tem seu elemento pedagógico. Esses caras precisam aprender que não devem fazer política. Que arquem com as consequências.

E outra questão: depois de tudo que acontece, se você acha que o impeachment passou pelo combate à corrupção, me desculpe lhe avisar: mas você foi feito de otário.

Prefeitura de Macau irá transmitir licitação da coleta de lixo pelo facebook

/

Blog do Celso Amâncio – Administrar Macau, a partir de uma gestão transparente em todas as áreas é uma das principais metas do plano de governo do prefeito Tulio Lemos. Inovando em suas ações, a Prefeitura Municipal de Macau, nesta quarta-feira (18) transmite ao vivo pelo Facebook da prefeitura a licitação de concorrência pública para limpeza urbana do município.

Para a sessão pública, compraram edital 52 empresas de limpeza urbana, inclusive, algumas dessas empresas são de outros Estados. A Prefeitura de Macau também oficializou o convite para que o Ministério Público acompanhasse todo o processo presencialmente. A transmissão acontece a partir das 9 horas da manhã, direto da sala da Comissão Permanente de Licitação-CPL. 

Tulio Lemos destaca que essa prática de transmitir as licitações por meio das redes sociais vai fazer com que a população participe indiretamente e entenda como funciona o processo. “Sabemos que muitas pessoas utilizam as redes sociais de casa, trabalho, então, elas podem acessar facilmente e participar conosco desses processos, que acontecem na nossa gestão da forma mais transparente possível. Não vamos parar por aí,  outras licitações também serão transmitidas pela internet”, finalizou Tulio.

Dieta vegetariana não é sempre sinônimo de saúde, mostram estudos

/

Foto: Paul Rogers/The New York Times

Não se deve discutir com quem adota uma dieta vegetariana ou vegana por motivos de saúde, religiosos, ambientais ou éticos. Porém, deve-se protestar com veemência contra quem faz proselitismo distorcendo a ciência ou os conselhos dietéticos oferecidos aos mais de 90% da população que preferem consumir alimentos animais.

Tal é o caso do documentário recentemente lançado pela Netflix chamado “What the Health”, que várias pessoas bem-intencionadas e conscientes em relação à saúde vêm recomendando.

No filme há afirmações errôneas, como dizer que comer um ovo por dia faz tão mal quanto fumar cinco cigarros ou que uma porção diária de carne processada eleva o risco de diabetes em 51%.

Embora a obra possa ter objetivos elogiáveis, ouvir dados científicos errados confunde as questões.

Nada disso significa apoio ao tratamento desumano de animais em fazendas nem a poluição injustificável do ambiente com rejeitos animais, e pesticidas e antibióticos mal utilizados.

Pensando em saúde, um vegano pode ser tão pouco saudável comendo vegetais escolhidos de forma errada quanto um onívoro que praticamente só come hambúrgueres e frango frito.

Uma dieta vegana recheada de grãos refinados, como arroz branco e pão, sucos e bebidas adoçadas, biscoitos, batatinhas e bolachas de água e sal, e sorvete sem leite estão longe de ser uma alimentação saudável.

Diretrizes dietéticas atuais já recomendam que todos deveriam adotar uma nutrição à base de plantas, rica em alimentos oriundos do solo associados a fontes de proteína animal com pouca gordura ou combinações de feijões e grãos.

Contudo, também nesse caso, uma seleção descuidada de comida e bebida pode resultar em uma dieta insalubre à base de vegetais.

Um grande estudo publicado recentemente no “Journal of the American College of Cardiology” exemplifica isso.

Elaborado por uma equipe de cientistas da Universidade Harvard, nos EUA, a pesquisa examinou, entre mais de 200 mil profissionais da saúde, as relações entre dietas baseadas em plantas de diversas qualidades e o risco de desenvolver doença coronária.

Iniciando o estudo sem doenças crônicas, os participantes foram acompanhados por mais de duas décadas, enviando o padrão dietético aos pesquisadores a cada 2 anos.

Tomando por base suas respostas, os hábitos dos participantes foram classificados pela equipe como: dieta geral à base de plantas (enfatizando vegetais sobre alimentos animais); dieta saudável à base de plantas (enfatizando alimentação vegetariana saudável); ou dieta não saudável à base de plantas.

Qualquer uma das dietas poderia incluir várias quantidades de produtos animais.

Alimentos vegetarianos saudáveis como grãos integrais, frutas, vegetais, nozes e legumes, além de óleos vegetais, café e chá, receberam notas positivas; comidas de origem vegetal menos saudável, como sucos, bebidas adoçadas, grãos refinados, frituras e doces, bem como alimentos de origem animal, receberam pontuação negativa.

RISCO DE DOENÇA

Quanto maior fosse a adesão dos participantes a dietas saudáveis à base de plantas, menor era a probabilidade de desenvolvimento de doenças cardíacas durante a realização do estudo. Em estudo anterior, os pesquisadores encontraram uma redução similar no risco de diabetes tipo 2.

Quem manteve uma dieta menos saudável à base de plantas, apresentou, em média, uma probabilidade 32% maior de receber um diagnóstico de doença cardíaca.

Liderada por Ambika Satija, do departamento de nutrição, a equipe concluiu que “nem todos os alimentos à base de plantas são necessariamente benéficos à saúde”.

A descoberta de Harvard foi praticamente idêntica a um estudo europeu de 11 anos que constatou um risco 32% menor de doença coronariana entre os vegetarianos do que entre não vegetarianos -embora nenhum tipo de classificação baseada na saúde tenha sido dado à qualidade das dietas vegetarianas dos participantes.

O estudo mais detalhado de Harvard, que examinou o nível de adesão à dieta à base de plantas, constatou que “até mesmo uma ingestão baixa de alimentos animais combinados a uma ingestão maior de alimentos vegetais saudáveis” estava associada a risco menor de doença cardíaca.

Em outras palavras, não é preciso se tornar exclusivamente vegetariano para proteger o coração. Reduzir a dependência de alimentos animais e principalmente evitar os ricos em gordura já ajuda.

Na verdade, os pesquisadores concluíram que “uma dieta que enfatizou alimentos animais e vegetais saudáveis” estava ligada a um risco coronariano levemente mais elevado do que no caso de uma dieta saudável inteiramente à base de plantas.

Por outro lado, segundo o estudo, exagerar em “alimentos vegetais menos saudáveis” e comidas animais menos saudáveis, como carnes processadas e vermelha, aumentou de forma significativa o risco de desenvolver doença cardíaca.

Conforme observaram os cientistas, as descobertas de Harvard corroboram o recém-divulgado documento Diretrizes Dietéticas para os Americanos, o qual pede que as pessoas consumam grandes quantidades de “alimentos vegetais de alta qualidade”.

Ainda de acordo com eles, a dieta recomendada “também seria sustentável em termos ambientais”, pois sistemas alimentares à base de plantas requerem menos recursos do que os animais.

Dessa forma, quanto mais plantas e menos animais se comer, menor será sua pegada de carbono e sua contribuição para o sofrimento animal. Contudo, para ser realmente benéfica, a planta deve ser rica em nutrientes.

Embora a maioria dos americanos dependa de alimentos animais para obter proteína, ter proteína de qualidade não é difícil com uma dieta vegetariana que inclua laticínios e ovos.

Quem agrega peixe à dieta recebe um bônus de ácidos graxos ômega-3, além de proteína de alta qualidade de peixes e mariscos.

Quem escolhe uma dieta vegana estrita enfrenta um desafio maior porque a proteína em plantas não é completa e deve ser equilibrada pelo consumo de fontes complementares, como feijões e grãos. Os veganos também devem suplementar a dieta com vitamina B12.

A menos que vire vegano, é possível aprimorar a dieta, proteger a saúde e acrescentar variedade às refeições com simples ajustes dietéticos.

Como Hena Patel e Kim Allan Williams, cardiologistas do Centro Médico da Universidade Rush, Chicago, sugeriram em um comentário ao estudo da Universidade Harvard, pode-se escolher um dia por semana sem carne e, gradualmente, acrescentar mais dias sem carne, enquanto se acrescenta uma ou mais receitas novas à base de vegetais por semana.


Colhendo o que planta

Alimentação à base de plantas, se não for bem planejada, pode ser tão prejudicial quanto uma com excesso de carne

Alimentação saudável

Ter plantas como base da dieta
Combinações de feijões e grãos
Complementar com proteína animal com pouca gordura
Consumir frutas, nozes e legumes

Alimentação não saudável

Muitas bebidas açucaradas
Consumo excessivo de sorvete sem leite
Comer muitos grãos refinados, como arroz
Muito pão, biscoitos, batatinhas, frituras e doces

Folha de São Paulo

Senado libera Aécio Neves e manda recado ao Supremo

/

Do Jota Info – Em votação apertada, o plenário do Senado rejeitou nesta terça-feira (17/10) a decisão da primeira turma do Supremo Tribunal Federal (STF) que determinou o afastamento do mandato e recolhimento noturno do tucano Aécio Neves (PSDB).

Fora da Casa Revisora desde setembro, Aécio conseguiu arregimentar 44 votos – três a mais que o necessário – para voltar ao exercício das funções de senador. Detalhe importante: dos 44 senadores que votaram contra a adoção das medidas cautelares contra Aécio, 28 são investigados no Supremo Tribunal Federal.

Mais que uma vitória do tucano, o resultado foi uma “derrota” do Supremo Tribunal Federal em um novo capítulo da disputa travada entre os dois poderes.

Nem mesmo a decisão do plenário da Corte Suprema de “devolver” aos legisladores o poder sobre a prisão e adoção de medidas cautelares contra parlamentares desanuviou o clima político no Senado. Ninguém defendeu o tucano, mas todos que se levantaram publicamente no plenário criticaram duramente a decisão da Primeira Turma do STF. E ninguém economizou nas críticas à cúpula do Judiciário.

Ex-presidente do Senado, Jader Barbalho (PMDB-PA) abusou da ironia nos ataques à decisão de afastar Aécio do mandato e determinar seu recolhimento noturno. “Quem lê em português sabe que Constituição diz que deputado federal e senador só pode ser preso em crime flagrante e inafiançável. Não precisa nem saber ler direito”.

O peemedebista não foi o único. Mesmo adversários políticos de Aécio colocaram em dúvida a imparcialidade do STF na análise do pedido de afastamento do tucano. “Por que este Senado deveria concordar com essas estranhas e despropositadas punições, como a de impedir o livre trânsito do senador Aécio Neves à noite? Isso soa com certa estranheza, até porque, quem conhece a política…”, questionou o senador Telmário Motta (PTB-RR).

Superadas as ironias e questionamentos, os discursos que antecederam a revogação da decisão da Primeira Turma do STF buscaram passar a imagem de que liberar o tucano não era mais uma manobra de auto-preservação, mas um ato de defesa da democracia em si e sobretudo da Constituição.

“A democracia não pertence ao Supremo, a Constituição não pertence ao Supremo. O Supremo pertence à democracia, o Supremo pertence à Constituição. A democracia só funciona com regras claras, gerais e aplicáveis a todos”, afirmou o neotucano Roberto Rocha (MA).

“Nós não estaremos passando a mão na cabeça de ninguém; nós não estaremos tirando nenhuma capacidade de investigação de qualquer órgão investigativo deste País. Mas nós estaremos dizendo que o mandato é inviolável”, completou o líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR).

Veja como cada senador votou.

Relator do TCE aponta inocência de Osvaldo Cruz e Rafael Godeiro no escândalo dos precatórios

/

Por Júlio Rocha

Do Portal no Ar

 

O Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte (TCE-RN) irá votar nesta quarta-feira, 18, o parecer do relator Paulo Roberto Alves sobre o caso do conhecido “escândalo dos precatórios” que apresenta argumentos que comprovam inocência dos então desembargadores Rafael Godeiro e Osvaldo Cruz, que atuaram na presidência do Tribunal de Justiça no período entre 2007 e 2011.

“Não há qualquer elemento que de prova que leve à conclusão de terem agido dolosamente e em cumplicidade com Carla Ubarana, com o propósito de apropriar-se de recursos públicos. A exceção é a delação premiada do casal Carla e George, que vejo com extrema reserva e desconfiança, como o fez, no foro mais adequado a tanto que o nosso, o Juízo da 7ª Vara Criminal de Natal”, diz o relator.

Ainda de acordo com o conselheiro, os atos dos desembargadores se limitaram à assinatura de cheques, guias e ordens bancárias já preenchidas, quer eram submetidos já assinados pela então chefe da Divisão de Precatórios, Carla Ubarana. O conselheiro ressalta que o dever funcional de organizar os processos de precatórios, conferir os dados dos beneficiária s e demais atividades comuns não era deve funcional dos desembargadores.

“Dezenas de testemunhas foram ouvidas, retratando a rotina da Divisão de Precatórios, onde tudo se passava sem interferências outras senão a de sua Chefe e seus auxiliares”, destaca o relatório.

Os presidentes e secretários-gerais, segundo o relatório são chamados a chancelar apenas formalmente atos de outros agentes, reforçando que Carla Ubarana era servidora efetiva há décadas, não implicando negligência a confiança que nela depositavam seus superiores.

“Projeto de teto salarial irá preservar direitos dos servidores”, diz Fábio Dantas

/

Do Portal no AR – O governador em exercício Fábio Dantas, explicou durante entrevista a uma emissora de rádio local os projetos encaminhados à Assembleia Legislativa, nesta terça-feira, 17, entre os quais a proposição de teto salarial dos servidores estaduais, equiparado aos vencimentos do governador do estado, algo em torno de R$ 21 mil.

 “Os projetos encaminhados são pensando no equilíbrio das finanças para os próximos anos, estamos com desproporções na folha, a proposição de um teto salarial é algo que deveria existir a muito tempo, como ocorre no Ceará e outros estados, não haverá perda imediata aos servidores, haverá preservação de diretos e garantias e ao longo do tempo haverá cuidado com o crescimento das receitas e controle das despesas”, explicou Dantas.

Ainda segundo Fábio Dantas, outros projetos foram levados para discussão pelos deputados, entre eles, o da previdência complementar dos servidores, que os déficits previdenciários sejam assumidos por cada Poder e projetos de refinanciamento de dívidas.

O decano da Lava Jato

/

O tal decano do blá blá blá está dizendo, mais uma vez, que o presidente está querendo acabar com a operação Lava Jato.
Ora, não foi por falta de aviso. Foi dito milhões de vezes que o impeachment era tocado por quem acreditava que Temer seria mais eficiente do que Dilma para esta tarefa.
Estes senhores, agora indignados, deveriam se lembrar dos ilegais vazamentos em todas as datas chaves do processo que colocou o maior “inimigo da Lava Jato” confortavelmente no local em que se encontra.
Essa indignação não me convence. É apenas uma forma de tirar o corpo fora. Se não tivessem feito do combate à corrupção a agenda monocrática do país, não estaríamos nessa crise.