Sobre a falta da segunda dose da coronavac em Natal: em requerimento, a vereadora Divaneide solicitou que a prefeitura respeitasse nota técnica do governo do RN

A prefeitura do Natal está sem a segunda dose para imunizar quem recebeu a primeira da vacina chinesa coronavac. Elas acabaram ontem (19).

Além dos furos no cronograma nacional, isto ocorreu porque a prefeitura do Natal, contrariando o plano estadual de imunização, decidiu aplicar a primeira dose sem fazer a reserva.

Consequência. Há a probabilidade de natalenses ficarem sem a segunda imunização dentro do prazo limite de 28 dias, conforme preconizado pelo Sinovac / Butantã para manter a eficácia máxima da vacina.

E não foi por falta de aviso. Além da nota técnica do governo estadual, a vereadora Divaneide emitiu requerimento alertando o poder público municipal.

Segue:

Deixe um Comentário