UFRN inicia flexibilização gradual do uso de máscaras

O uso de máscaras de proteção facial passa a ser facultativo, a partir desta terça-feira, 12 de abril, exclusivamente nos ambientes abertos das dependências da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). A decisão foi tomada após consulta ao Comitê Covid-19 da instituição de ensino, que opinou pela flexibilização. Nesse sentido, de forma gradativa, a partir de 25 de abril, também fica facultada a utilização de máscara em ambiente fechado.

Foto: Cícero Oliveira – Agecom/UFRN

As Pró-Reitorias de Gestão de Pessoas (Progesp), de Graduação (Prograd) e de Pós-Graduação (PPG), além da Secretaria de Ensino, Básico, Técnico e Tecnológico (SEBTT), publicaram a Instrução Normativa (IN) 001/2022 – Progesp, no sentido de orientar sobre a flexibilização do uso da proteção facial. De toda forma, o documento recomenda a continuidade da utilização das máscaras por todos, especialmente para pessoas dos grupos de risco; a qualquer tempo por pessoas que apresentem sintomas de doenças gripais e semelhantes; e durante a permanência em ambientes fechados, como a exemplo de salas de aulas, laboratórios, auditórios e salas de utilização coletiva.

A normativa ressalta também a importância do cumprimento do esquema vacinal por toda a comunidade universitária, como medida para conter a transmissão da covid-19 dentro e fora dos ambientes da Universidade. Até esta terça-feira, 12 de abril, 95,3% dos servidores (docentes e técnicos) efetuaram a comprovação vacinal, sendo que apenas 0,9% não efetuaram o cadastro e o restante está afastado ou em atuação em outras unidades. Em relação aos estudantes que estão matriculados em turmas do período letivo de 2022.1, em todos os níveis de ensino (técnico, graduação e pós-graduação), 95,8% comprovaram o esquema vacinal. Outra importante medida citada na IN é a higiene frequente das mãos e dos ambientes.

Instrução Normativa Conjunta PROGESP/PROGRAD/PPG/SEBTT nº 001/2022- PROGESP, de 12 de abril de 2022

Deixe um Comentário