Rodrigo Maia contra ataca

Além de passar a avaliação do projeto anticrime de Sérgio Moro para dois sabidos críticos do ex-juiz, os deputados Marcelo Freixo (PSOL) e Paulo Teixeira (PT), o presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM) avisou ao ministro Paulo Guedes que deixará a articulação do projeto de reforma da previdência. A reação ocorre após o filho do presidente, Carlos Bolsonaro, usar suas redes sociais para tripudiar de Maia, que tem sogra casada com Moreira Franco, preso ontem pela polícia federal. Maia também acusa o governo de coordenar ataque nas redes sociais contra ele.

Deixe uma resposta