Por que a OAB RN não luta pelos 500 milhões do TJ RN na segurança?

Seria mais efetivo do que falar em gestão de caixa vazio. O Estado já ganhou em várias instâncias para que o recurso volte para o caixa do executivo, mas os magistrados, através de sua associação, seguem recorrendo.