Transparência como problema; ausência dela como estratégia

A prefeitura do Natal praticamente não faz entrevista coletiva sobre a pandemia. Deixa para o Governo do RN apresentar dados indigestos diariamente. Tem sido assim desde então.

Fez o mesmo com o isolamento social. A prefeitura do Natal surfa nos benefícios da diminuição dos atendimentos nas Unidades de Pronto Atendimento. Porém, não quer – e disse abertamente – fiscalizar, uma forma de terceirizar o problema de dizer não aos comerciantes e receber o bônus pelos benefícios.

O Governo do RN ganha em transparência, conforme rankings nacionais publicados. Porém, acaba aparecendo como gestor do problema e sendo responsabilizado por ações que são compartilhadas.

Deixe uma resposta