Viva a UFRN

É fato que a Universidade Federal do Rio Grande do Norte é o caminho sonhado pela imensa maioria de quem deseja fazer um curso superior. Porém, em decorrência da onda anti-intelectualista que ronda o Brasil, a UFRN foi fortemente atacada nos últimos anos.

Mas é na situação de crise que o know how institucionalizado aparece. Pois é a UFRN que, em parceria com o governo do Estado, faz os exames para detecção do coronavírus. O que antes levava semanas e precisava de envio para fora, agora será feito em três dias por aqui.

E mais: é a UFRN que começará a produzir e a distribuir álcool em gel. Por fim, são, em sua maioria, da UFRN os profissionais que organizam e planejam as medidas de contenção do vírus. Viva a UFRN.

Deixe uma resposta